Usamos cookies próprios para melhorar a experiência do usuário através de sua navegação. Ao continuar navegando você aceita seu uso. Mais Informação.

Ciopaer/SSPDS, DTCEA-FZ e Fraport Brasil realizam seminário sobre Operação de Drones em Fortaleza

Alguns equipamentos tecnológicos se tornaram mais acessíveis nos últimos tempos. Acompanhadas dessa facilidade, algumas situações de riscos também se fazem presente. É o caso da utilização das aeronaves não tripuladas, os conhecidos drones. Pensando nisso, a Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas (Ciopaer) da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), o Destacamento de Controle do Espaço Aéreo de Fortaleza (DTCEA-FZ) e a empresa Fraport Brasil, que administra o Fortaleza Airport, promovem o seminário online “Operação de Drones em Fortaleza-CE”. A iniciativa ocorrerá na próxima terça-feira, dia 25 de agosto, às 9 horas.

O público-alvo são as pessoas em geral que utilizam esses equipamentos, mas especialmente os profissionais de imprensa que operam os drones para a captação de imagens. “Nós recebemos um Relatório de Prevenção, que é uma ferramenta para identificar perigos à atividade aérea, e nele verificamos que havia uma aeronave não tripulada em espaço aéreo proibido. Então, estamos realizando essa ação de conscientização para evitar acidentes aeronáuticos. A medida não se restringe apenas à Ciopaer, mas também à aviação como um todo”, explica o major PMCE Cleriston Oliveira, que é oficial de Segurança de Voo da Ciopaer.

O Relatório de Prevenção (RELPREV), que o oficial cita e será um dos assuntos da palestra, é uma ferramenta proativa de segurança de voo prevista no manual de gerenciamento de segurança operacional da Coordenadoria. Ele visa identificar os perigos associados à atividade aérea, permitindo a participação de todos os servidores no gerenciamento da segurança da unidade. Após o relato, a Ciopaer aplica uma matriz de gerenciamento de risco e verifica quais são as medidas que poderão ser adotadas. No caso em questão, a Ciopaer, o DTCEA-FZ e a Fraport Brasil se reuniram para a realização do seminário. Mas as ações também podem se estender à emissão de alertas de segurança, à realização de mudanças em procedimentos operacionais, e em casos mais extremos, até ao cancelamento de operações aéreas.

Além do RELPREV, durante o seminário também serão abordados temas como “No Fly Zone”, assuntos pertinentes ao espaço aéreo, legislação e sanções para voos irregulares de drones.

Inscrições
Os interessados devem se inscrever gratuitamente clicando aqui ou apontando a câmera do celular para o QR Code presente na imagem de divulgação. Por meio desse contato com o público-alvo, a Ciopaer realizará, posteriormente, outras divulgações de segurança de voo.

A transmissão do seminário ocorrerá por meio do canal no Youtube da Ciopaer Ceará. Basta clicar no aqui e acessar a página.

Fonte: Assessoria de Comunicação da SSPDS/CE.